Fones gamers são bons?

Se você é minimamente ligado em tecnologia, já percebeu que os headsets gamers se tornaram onipresentes no mercado de fones de ouvido. Eles nada mais são do que fones com microfone, voltados para o público gamer. Mas fica a questão: o quão bons são esses equipamentos, principalmente comparados a fones tradicionais?

Bem, em minha experiência… não muito. Já tive a oportunidade de testar alguns headsets – inclusive de marcas “renomadas”, como a Razer e, sinceramente, fiquei muito impressionado com o quanto eles eram ruins. Sonoridade totalmente desequilibrada em ambos, em um para o lado escuro, embolado e sem definição e no outro para uma apresentação magra e estridente. E estou falando de fones que custavam mais de R$500.

Em minha opinião, o grande problema é que fones gamers parecem priorizar perfumarias, e não um real bom desempenho sonoro. Focam na estética, em luzes, em softwares mirabolantes e em outras artimanhas para conquistar um público que, com muita frequência, acaba se encantando com elas e talvez acabe se esquecendo que o maior objetivo de um fone de ouvido é trazer uma boa qualidade sonora.

Evidentemente, não há nada de errado em procurar essas características e funcionalidades e pagar por elas, desde que essa seja uma escolha consciente. E, acredito, em muitos casos ela não é. Vejo boa parte desse público convencida de proezas inexistentes desse tipo de fone.

O maior exemplo de artimanha que é puro marketing é o multicanal. Já disse isso algumas vezes, e vou repetir. Multi-canal não faz o menor sentido num fone de ouvido, porque se refere à quantidade e à posição de caixas de som específicas numa sala. Essas posições são impossíveis de serem replicadas acusticamente num fone, e essa simulação (mesmo nos fones que se dizem 5.1 ou 7.1 reais é uma simulação) não traz uma capacidade de posicionamento dos sons melhor e mais natural do que um bom fone estéreo.

O multi-canal, para mim, é a ilustração perfeita dos problemas que vemos no mercado de headsets: tecnologias sem sentido que frequentemente não trazem benefícios reais em relação a opções mais tradicionais. Tudo o que vejo que fones gamers prometem – bom desempenho sonoro, com amplo palco, transparência, e definição – quase sempre podem ser obtidos em maior proporção e por um menor preço em fones comuns. De fato, esses costumam vir sem um bom microfone, mas basta adicionar um de lapela que seu problema estará resolvido. Um Superlux HD681 é uma opção de baixo custo que certamente dará um banho de água fria na vasta maioria dos fones gamers do mercado. E, se você quiser gastar mais, pode pensar num Audio-Technica AD700X ou num M50X, ou ainda num AKG Q701. Pode ter certeza: você não vai sentir falta de um surround sound emulado com um desses. Vai experimentar a boa acústica de um bom fone e não vai mais querer olhar para trás.

Existem, porém, exceções: como esse mercado tem crescido, ele aparentemente chamou a atenção das grandes fabricantes de fones, que passaram a oferecer seus próprios produtos voltados a esse público. Um exemplo é a linha GAME da Sennheiser, com alguns modelos baseados na linha HD5XX, consagrada por seu ótimo desempenho para músicas. Então, algo como um GAME ONE ou GAME ZERO nada mais são do que excelentes fones de ouvido com um microfone integrado. O mesmo vale para fones como o Kingston HyperX Cloud, que é baseado num fone OEM que também tem versões oferecidas pela Arcano e Takstar. É novamente uma versão para jogos de um fone feito para música.

Por isso, minha sugestão é essa: se você quer um fone para jogar, a menos que esteja considerando fones comuns convertidos para headsets, como os da Sennheiser ou o HyperX Cloud, fuja de fones gamers. Um bom fone para música, como um Superlux HD681, aliado a um microfone externo vai trazer todo o desempenho que você precisa – e, por vezes, a um custo muito menor.

80 Comments
5
  • Luis Felippe

    Bom dia Leonardo, to pensando em pegar um superlux hd681 mas vi que ele é meio aberto, to querendo pegar um fone para escutar musica e isolar barulho de pessoas falando, o hd681 cumpre bem isso? se não, tem algum na faixa de preço que tu recomenda?

    • Luis, dá uma olhada no HD682EVO!

      • Leandro Carvalho

        Leonardo…tem análise desse Superlux HD681?

        • Leandro Carvalho

          Desculpa Leonardo…procurei um pouco melhor e achei a análise…
          Deixa eu incrementar minha pergunta:

          Trabalho com coral de black music…queria um headphone pra estudar em casa, escrever as vozes e etc…o importante pra mim é ouvir a divisão de vozes bem definida…
          E não tô com grana, nesse momento, pra investir muito…Mas o preço dele tá ótimo.
          Recomenda ele (superlux hd681) ou indica algum outro na mesma faixa de preço?

          • Leandro, se vc quer destaque nas vozes, o HD681 não é uma boa pedida… mas é difícil achar algo parecido na mesma faixa de preço. Há o Edifier H840, mas é mais caro. De repente dá pra pensar no HD668B!

          • Leandro Carvalho

            Obrigado Leonardo…
            Já tinha visto algo sobre esse Edifier que tu falou…
            Talvez eu tente fazer um esforço.

            Parabéns pelo site…conteúdo de qualidade

  • João Pedro Montagna

    Conforto extremo e qualidade a um preço justo no fone de ouvido profissional da AKG mod. K52, um microfone de lapela ou de mesa e pronto … Quer mais, vai k72, k92 ou se quer quer mais sons graves cai em k182 com preço maior mas justo.

  • José Mauricio

    Discordo em relação ao surround, faz muita diferença sim, já testei diversos headsets, fones de ouvido, amplificadores como Astro A50, XOSeven, Sennheiser hd598, hd650, hd700, hifiman he400i entre muitos outros, e concluo que jogos competitivos e até mesmo single player envolventes faz todo sentido utilizar a simulação surround. A busca do fone gamer perfeito não passa por sons estéreos, vide esse guia

    https://www.head-fi.org/f/threads/mad-lust-envys-headphone-gaming-guide-3-18-2016-mrspeakers-ether-c-1-1-added.534479/

    Dessa forma precisa abrir sua mente com relação a fones com utilização gamer, faz toda diferença emulação oriunda de um Astro Mixamp, ou um Turtle Beach DSS, ou até mesmo das placas de áudio dedicado.

    • Aluisio

      Simulação ? Com um shp9500s eu tinha total discernimento espacial, com 2.0 mesmo. O fone já é feito acusticamente pra te trazer essa sensação espacial, emular algo que não é próprio do fone é jogar o palco sonoro dele no lixo.

      Claro , se ajuste sonoro do fone for exclusivamente digital, a emulação pode até fazer mais sentido.

      Mas se o foco é usar surround em qualquer fone e obter resultados, é algo muito vago. Uma mesma fórmula de alteração vai dá ganhos positivos em fones construídos de formas totalmente diferentes? É como se fosse medicar todo mundo com benegripe e dizer curou todas as doenças do mundo.

      • José Mauricio

        Qualquer fone vai se beneficiar de um bom surround para jogos, inclusive os closed, se vc testar o seu philips com uma boa placa vai obter resultados muito melhores de posicionamento do que seu 2.0 convencional.

        • João Raizer

          Você esta equivocado, um surround até a presente data nao supera um BOM 2.0, nao tem como obter melhor posicionamento sem nenhum atraso num surround, ele só manipula o delay do som para que crie uma falsa sensaçao de melhor posicionamento.

          • José Mauricio

            Um sennheiser hd700 você considera um bom 2.0? Pois é, ele como surround fica muito melhor do que usar no estereo.

          • Rafael Goulart Deejay

            Não adianta, a maioria nunca testou de fato mas repete o que leu em algum lugar alguém falando e etc e fica repetindo o discurso sem nunca ter testado de fato

          • José Mauricio

            Exato rafael, se é possível acreditar que um fone xing ling pode ser uma compra boa, porque não apostar em um bom surround para seus jogos?

          • Rafael Goulart Deejay

            HD 598, 681 evo, 681, Fidelio L2 e A5 pro são bons?

      • Rafael Goulart Deejay

        Eu já usei razer surround, sbx (Creative) e Dolby Headphone. o sbx melhorava bastando meu desempenho in game com o HD 598 e 681 evo sem interferir tanto no som, o Dolby o desempenho melhorava mas o som ficava realmente bem ruim, o razer surround não interferia tanto no som mas não ajudava tanto quanto os outros

        • José Mauricio

          Pra quem gosta dessa tecnologia, está disponível no Xbox One o Dolby Atmos pra headphones, no momento pouco conteúdo, mas o filme OKJA já dá uma boa amostra no Netflix, recomendo a todos.

        • gabriel sabino

          post de meses atras, mas me surgiu uma duvida, qual setup do SBX usou? qual placa de som?

          • Rafael Goulart Deejay

            Usei a cretive z com 681 evo, HD 598 e l2

    • Trovalds

      Uma coisa é desenvolver um fone voltado pra games E os games terem a produção de áudio voltada pra essas “simulações”. Dentro de um game claro que vai funcionar lindamente. E daí? Se você precisa de um fone pra ouvir música com um mínimo de qualidade simplesmente vai comprar outro? O artigo é claro em dizer que o fone game é ruim pra outras finalidades, não foi criticado a qualidade dele pra jogo. O que, aliás, não é o foco do blog.

      E o fone sozinho não faz milagre. Se você não tiver também uma placa de som minimamente decente, aí sim é que você pode ter um fone gamer do outro mundo que não vai fazer diferença MESMO. Exceto se você comprar algum com placa de som própria que se liga ao computador via USB.

      • José Mauricio

        Não discordo em relação a qualidade dos fones de ouvido, pelo contrário concordo plenamente, discordo da posição em relação ao surround e tecnologias de posicionamento.

    • José, a questão, pra mim, é que essas emulações são feitas por software, e não por hardware. Então por mais que vc possa gostar do resultado que ela te proporciona, vc não precisa de um fone gamer pra isso, entende? Se vc gostar dessas simulações, um fone melhor (como os que já citei no vídeo) com elas aplicadas vai te trazer um resultado ainda mais interessante. E, de qualquer maneira, ainda não será um multicanal de fato porque o que fones podem fazer, em relação a isso, não se encaixam na própria definição de 5.1 ou 7.1.

      • José Mauricio

        É isso mesmo Leonardo, concordo plenamente em relação a qualidade dos fones gamers, apenas discordei com sua posição em relação à emulações, tanto que há novidade quanto ao dolby atmos para headphones, dê uma checada, achei fenomenal o resultado final.

  • Rafael Goulart Deejay

    O 681 é incrível mesmo, não sinto falta nenhuma do HD 598 pra jogar FPS, vou pegar um ad700 de teimoso pra ver quão grande é a diferença

  • Trovalds

    Uma dúvida: o Superlux HD681 EVO é fechado em se comparando com o HD681?

  • Thiago A.

    Pra mim são irrelevantes, não sou gamer, então…

    • Meu caso também, Thiago! Mas como esse mercado tem crescido tanto, acho legal dar uma opinião!

  • Artur Barth

    Um Sennheiser gamer como o One ou o Zero possuem alguma vantagem frente ao Superlux ou algum outro fone? Eles são bem caros e teriam que ter uma vantagem na minha opinião.

    • Artur, são sonoridades diferentes e, a meu ver, sob vários aspectos, melhores.

  • Maicol Vieira

    Leonardo peguei um Superlux 668B ele é bom? Melhor que o 681? Obrigado, olhei dois vídeos teus e realmente são muitos bons.

  • Tiago Casagrande Mendes

    Leonardo, como posso extrair o melhor som do meu console? Existem amps e dacs externos que posso ultilizar?
    Agradeço pelo artigo.

    • Tiago, em tese, se o seu console tiver saída digital, vc pode usar um DAC e um amplificador externos, mas não sei como vai ficar o microfone. Provavelmente ele teria que ser separado e ligado diretamente ao console, enquanto o fone ficaria ligado ao amplificador que, por sua vez, estaria conectado ao DAC.

      De toda forma, não vejo tanto motivo pra investir nisso nesse caso, visto que os benefícios que um amplificador e DAC vão trazer são mais pronunciados em músicas. Acredito que seria um pouco inútil para os efeitos de jogos!

  • Paparazzi

    Seguinte meu parceiro, eu pretendo usar o sennheiser hd 598 com o schiit fulla 2 e usa-lo também para controlar o volume das caixas de som, mas infelizmente esse amplificador não tem um interruptor variável que alterna entre headphone e caixas de som sem que haja a necessidade de desplugar o headphone, minha dúvida é, existe algum aparelho ou algo do tipo que eu posso combinar com o fulla 2 pra poder fazer essa alternância mantendo o cabo do headphone ainda plugado a ele ? Desde já agradeço.

    • Ken H.H

      Não manjo do assunto, mas será que um Behringer HA400 serviria?

  • Ken H.H

    Interessante o post.
    Já tive todos os fones citados no post, o único que não tive foi o HD681 e vendi o Q701 (me arrependo de ter feito isso, pqp). Ótimos fones esses citados.
    Tem o HD598 que peguei no início do ano que é um ótimo fone para jogar FPS.

    Uma dica: dá para usar o M50x com um cabo que tenha microfone integrado (vende na Amazon), aí para usar no PC você compra aquele adaptador que adapta o P2 headset (conector com 3 riscos) para dois conectores P2 (um de áudio e um de mic).

  • Renato Müller Rosa

    Gostei do post. Hoje eu tenho um Shure SHR440, um Samson SR850 e um Arcano SHP300 que uso no trabalho. Mas atualmente estou pensando em pegar um desses fones gamers, que seriam os citados Sennheiser Game ONE e ZERO e mais pra frente ir adicionando novos fones na coleção. Para começar nesse hobby, você recomendaria algum AMP ou não é necessário para esses fones no caso?

  • Paparazzi

    Leonardo, você conhece alguém no Rio de Janeiro que tenha a capacidade e que seja de confiança é claro pra construir o Bottlehead Crack ?

    • Paparazzi, tem o Tonhão, mas não sei se ele faria esse tipo de trabalho… e tem eu também, inclusive é algo que por um bom tempo quis fazer. Se te interessar, podemos conversar sobre essa possibilidade.

  • Olha que beleza! Lembro que há dois anos Leonardo, mandei um elogio para você sobre seu trabalho testando fones e ensinando pessoas leigas como eu a ingressar no mundo dos audiófilos. Através do seu trabalho, conheci os fones da Senheiser e da AKG (que hoje são os meus xodós). Lembro que pedi para você fazer, assim que possível, um review sobre algum fone gamer e inclusive, indiquei o HyperX Cloud da Kingston (que tinha sido minha recente aquisição na época). Como sou gamer, mas tinha aprendido bastante sobre sons no seu site, fugi das marcas como a Razer, que só investem na maior parte em marketing (Beats disse Oi?). Procurando bastante, conheci o HyperX Cloud, que nada mais é do que um projeto de fone de ouvido de monitoramento da QPAD. É um fone excelente, equilibrado, com muitos acessórios e oferece o que realmente importa no fone: bom equilíbrio sonoro com a possibilidade de se usar um microfone. Na época que comprei consegui um bom preço (R$ 250,00 no mercado livre). Recomendo para qualquer um que seja gamer e precisa de um fone que passe longe de ser um fruto de marketing e ofereça o que se busca de um equipamento desses. Bom artigo Leonardo!

  • Lucas Moretto

    O que você diria sobre o amplifcador GSX 1200 PRO da sennheiser, será que valeria a pena um desse?
    Uma vez que você disse que emulação de som 5.1 ou 7.1 num serve para nada, seria um desperdicio de dinheiro? Você poderia fazer um review desse amplificador?

    • Lucas, há quem goste, mas eu, particularmente, acho que um bom fone estéreo já vai te dar um excelente efeito espacial, muito mais natural.

      Sobre o GSX 1200 PRO, não sei onde conseguiria um…

  • Gilmar Sousa

    Leonardo o que você diria dos Astros? A40 ou a50… Já teve alguma experiência com eles?

    • Nunca testei, Gilmar. Mas pelo que já li e já ouvi de fones gamers, não esperaria tanta coisa não. Duvido MUITO que ele esteja no mesmo nível de bons fones comuns em sua faixa de preço.

  • Raphael Almeida

    De fato há muitos headsets ruins no mercado, brigando por qual é o mais barulhento. Assim resolvi comprar um diferente, pelo que estou há mais de um ano c o pc363d da sennheiser.

    Melhor compra impossivel pra jogos e mesmo p musica, ja q a emulaçao do 7.1 parte da placa de som q ja acompanha o fone, é realmente fantastico e recomendo ao site a experiência 😉

  • William Gunzburger

    leonardo que fone com base para jogos vc indicaria para tem a mesma qualidade do one ou zero e pagar mais barato??? e que microfone vc indicaria !!????

    • William, não dá pra dizer que tem a mesma qualidade nos Sennheisers. Mas recomendaria o HD662EVO, que é mais confortável que o HD681. Sobre microfone não sei – veja que não sou gamer.

      Com relação ao Somic, nunca ouvi mas prefiro estéreo a multi-canal. Nunca ouvi o Arcano.

      • Rafael Goulart Deejay

        Olha, pensando em fps competitivo acho o 681 até melhor que o 598. Uso ele com par de veludo e o conforto melhora bastante. Tenho um ad700x também e esse sim na maioria das situações acho ele com uma diferença relevante ao HD 681, embora a diferença re desempenho não justifique a diferença de valor (sempre falando em FPS)

  • Roberto Silva

    Você poderia listar, desses que você recomenda, a ordem de qualidade?

    • Roberto, falei de muita coisa… e no final das contas é questão de gosto. O melhor é buscar reviews e ver quais qualidades te agradam 🙂

      • Roberto Silva

        Obrigado!

      • Roberto Silva

        Olá! Voltei pra agradecer novamente pelas dicas. Peguei o 668B e estou gostando muito. Achei melhor começar por um fone audiófilo mais barato para testar se faria muita diferença em relação aos fones que tenho. Como leigo, posso dizer apenas que tenho a impressão de ouvir mais coisas do que ouvia antes e com qualidade melhor. Faz apenas umas semana que estou com ele e usei basicamente para jogos. Provavelmente pegarei um HD600 em algum momento. Valeu!

  • Jordan J Sousa

    Se eu comprasse um AKG k52, k72 ou k92, algum deles seria uma boa escolha para, se usado com uma placa de áudio Behringer Uphoria umc22, obter um bom palco sonoro? Ou conseguiria outro Headphone (over-ear) na mesma faixa de preço desses citados, com qualidade melhor para essa finalidade de Games? Ou então ficar mesmo com o HD668b?

    • Obrigado, Jordan!

      Antes de tudo: relaxa com isso de palco sonoro. Vou fazer um vídeo sobre o assunto em breve, mas a meu ver isso está ficando MUITO exagerado no meio. Vc não precisa de um fone com palco incrível pra jogar – o mais importante é detalhamento e precisão.

      Nunca ouvi um desses AKGs, mas acho que, pra jogar, optaria por um Superlux HD668B.

      • Jordan J Sousa

        Estou optando pelo hd668b ou o AKG K92, o preço está próximo (isso no mercado livre) em torno de R$ 210,00 o Superlux e o AKG R$ 250,00. (Na china o primeiro sai por R$ 150,00 mas tem q comprar novas earpads ai o total vai para R$ 220,00 de qualquer forma). Por isso tenho dúvida. Já utilizei um AGK 414p e te digo que tem uma qualidade muuuito boa. Bem balanceado e os graves não abafam as outras frequências. No primeiro comentário coloquei para jogos. Mas tb faço gravações (instrumento/voz num pequeno home estúdio que estou montando e preciso de um headphone versátil. Fico pendendo para o lado do AKG pois já utilizei.

  • Hugo Pavani

    Fala Leonardo beleza?
    Cara acompanho o mindtheheadphone faz pouco tempo, mas já aprendi bastante sobre esse mundo audiófilo.
    Eu estou procurando um novo headset para comprar, atualmente tenho um hyperx cloud revolver (antigo) gosto do som dele, porem acho muito overbass, e recentemente adquiri uma creative soundblaster z que deu um up no som, e consegui via EQ melhorar o som para meu uso que é para games e fiz um pre set que ficou bom pra ouvir passos, tiros, etc.. Porem queria algo melhor, uma qualidade melhor porque com o aumento de médio e agudos do meu revolver sinto ruídos nessas faixas de frequência.
    Pesquisando iria comprar o sennheiser game zero (sou fã da marca e um dia ainda quero ter um sennheiser) mas um amigo me indicou pegar um headphone + mic que teria uma qualidade melhor por um preço equivalente.
    A minha duvida está entre o gamezero/gameone ou GSP500/600, se for pegar headphone + mic eu gostei bastante dos reviews do HD600/650 porem o preço fica bem inviável então achei usado um HD650 por 1699,00 acha que vou ter esse upgrade grande no som? No meu caso que preciso do microfone o headset mesmo que for o sennheiser se torna mais viavel? Quero uma boa qualidade sonora e ter o maximo de nitidez sonora possivel dentro do meu orçamento que seria em torno dos 1500,00.
    Obrigado desde já.

    • Hugo, pra jogar, um AKG Q701 é mais interessante. Só que vc também vai precisar de um amplificador dedicado. Mas de repente vc consegue montar o conjunto dentro do seu orçamento, tem que dar uma pesquisada. Se não conseguir, tenta o Audio-Technica AD700X.

      • Hugo Pavani

        Vou pesquisar a respeito e ver algumas reviews desses dois modelos que indicou.
        Eu não entendo muito, mas achei que a soundblaster z aumentou bastante o volume do meu headset, ela não seria o suficiente para empurrar o AKG?
        Outra duvida aproveitando o seu conhecimento, depois que coloquei a soundblaster selecionando fones de ouvido no software da creative ela configura o meu som do windows para 5.1 e só se eu estiver louco, mas acho que fica melhor quando configurado em stereo, estou louco ou não tem nada a ver?
        Obrigado pela resposta e parabéns pelo excelente trabalho feito no site/youtube. Sucesso!

      • Hugo Pavani

        Leonardo já pesquisei e pelo que li pra ter 100% do AKG precisa de um bom AMP, vi relatos dele ser um dos headphones mais difíceis para empurrar, então descarto a possibilidade.
        Agora fiquei bem contente com os relatos do AD700x, todos disseram que tem um excelente palco, inclusive li o teu review aqui no site e você ficou impressionado apesar das falhas pelo preço do headphone, já achei ele usado na casa dos R$600 e vou comprar para testar, volto a comentar a minha experiencia com o headphone pra te dar um feedback.
        Obrigado.

        • Hugo, de repente até pode, mas o AKG é notoriamente difícil. É possível que ela não consiga levar. Mas não é um bicho de 7 cabeças também não – tem coisa bem mais difícil, como HiFiMAN HE-6 e AKG K1000.

  • Herr von Manstein

    Segui dicas como essa e aqui uso um Arcano SHP80 + Zalman MIC1, melhor combo que uns certos fones Razer que testei, que custavam 4x mais.

  • Gabriel Simões Reino Barbosa

    Olá! Atualmente tenho um Bose QC35, que comprei para ouvir musicas a partir do celular, enquanto me deslocava e tambem para utilizar durante o serviço, por seu review e classificação no InnerFidelity. Nos casos que citei ele me serviu muito bem, cancelamento muito bom, alguns amigos até falaram que parecia outra realidade com os fones.
    Minha questão está realmente ligada a jogos, pois é impraticavel a latencia quando utilizo sem fio e o fio dele é meio curto (não tive oportunidade de procurar um substituto ainda). O som continua bom, não sei se realmente preciso de outro fone com microfone para jogar online com meus amigos, pois recentemente comprei um microfone de lapela, e tambem não jogo competitivamente jogos que exijam uma percepção auditiva de posicionamento. Porem, sempre quis uma opinião de um especialista sobre os fones psyko, que agora mudaram de marca (https://www.exeoent.com/gaming-headphones/psyko). Sei sobre a sua opinião sobre fones tentando simular 5.1 e 7.1, tambem sei que não tem como um fone ser melhor que um sistema propriamente montado de caixas. Porem sempre penso no meu caso e em pessoas com casos parecidos, que não tem espaço suficiente para montar um sistema desses, ou que até tenha espaço, mas não tenha isolamento adequado (tanto acustico quanto fisoco, como uma sala ligada a uma cozinha). Quero poder jogar sem atrapalhar o resto da casa e tambem não ser atrapalhado pelos barulhos do ambiente (sei que já tenho isso com o QC35) e ver se o psyko seria uma boa alternativa para ter uma simulação de 5.1 bacana, ou se a recomendação seria outra.

    • Gabriel, eu tentaria uma outra coisa antes: um Superlux HD668B. É um fone excepcional, e tem o custo baixo o suficiente pra vc poder arriscar e ver se te atende – caso não atenda, é super fácil de vender. Talvez vc veja que dá pra ter tudo o que vc precisa por uma fração do que pretendia gastar.

  • Jonas Rebelo

    Bem que poderia ter citado que hoje em dia existe fones gamer bons, como os da HyperX, e para quem quer fone RGB, hoje em dia existe o Logitech G633 que também é ótimo.

    • Jonas, vc viu o vídeo e leu o texto todo? Falo sobre o HyperX 🙂

      • Jonas Rebelo

        Passou despercebido essa informação haha

  • Gabriel Ramôa

    Leonardo, vídeo excepcional, sem duvidas o melhor que vi sobre o assunto em pt br, me fez querer trocar urgentemente meu razer kraken v2 “7.1”. Agora fiquei em dúvida entre um sennheiser hd 598, gamer one ou um AKG Q701/702. Acha que vale ir de akg pelo palco sonoro melhor ? O foco seria games tipo fps, música e filmes casualmente é usado direto na placa mãe do pc. Adoro seu canal, abraços !

    • Gabriel, gosto muito do AKG, e seria minha recomendação – mas, com ele, é ideal que vc use também um amplificador dedicado… não é um fone fácil de tocar.