Fórum MIND THE HEADPHONE

É com muita satisfação que finalmente abro o Fórum MIND THE HEADPHONE!

A demora se deu por alguns fatores – principalmente a indisponibilidade do pacote de tradução para Português. No entanto, o pessoal do PXB, site e fórum dedicados ao XBox, muito gentilmente me enviou o arquivo da tradução feita manualmente por eles do VBulletin 5. Foi o primeiro fórum brasileiro a usar o novo sistema.

Ainda vou criar um link para o fórum na página principal, mas por enquanto fica o link disponibilizado acima. O endereço é www.mindtheheadphone.com.br/forum

No período entre a instalação do sistema e a obtenção da tradução, realizei um pequeno período de testes com algumas pessoas, e por isso o lugar já agitou um pouco. Temos um excelente time de moderadores e esperamos construir um espaço de confraternização e aprendizado sobre esse hobby que temos em comum. Torço para que a partir de agora, com a sua ajuda, possamos fazer crescer o primeiro fórum dedicado a fones de ouvido do Brasil.

Vejo vocês por lá!

29 Comments
0
  • Maicon

    Olá, no fórum pode pedir ajuda pra escolher um fone ou é pra discussões mais profissionais? É que comprei um HD 202, mas embora tenha gostado bastante do som dele, é muito desconfortável e eu uso fone umas 10 horas por dia, então fica complicado, vou devolver e pra não comprar errado de novo pedir dicas pro pessoal. vlw

    • mindtheheadphone

      Maicon, claro que pode, o fórum é livre para qualquer um que queira participar! Temos inclusive um tópico de recomendações, que serve para tirar dúvidas como a sua. Te espero por lá!

      Um abraço!

  • LMP

    Como faço para participar do forum? Não achei link de cadastro. Obrigado.

    • mindtheheadphone

      Olá Leonardo,

      No topo, à direita, acima do banner com a imagem. Há um link chamado “Entre ou Cadastre-se”.

      Um abraço!

  • Paulo Sergio Ciccone

    Olá pessoal. Gostaria de tirar uma dúvida com vcs. Comprei um fone AKG 171 para usar em uma bateria eletrônica Yamaha. Assim posso estudar o instrumento sem incomodar ninguém. Após seis meses de uso o fone apresentou problema e parou de funcionar em um dos lados. Ainda dentro da garantia, levei na assistência Harman, disseram que não tinha conserto e trocaram por outro. Ok. Depois de 3 meses utilizando o novo fone ele quebrou também! Aparentemente o mesmo defeito.
    Gostaria de saber se é um problema de qualidade do fone ou se pode ser alguma coisa relacionada ao uso, ou não seria o fone adequado para esse fim, …. Nesse último caso, qual seria um outro fone que poderia ser utilizado? Obrigado pela ajuda.

    • Paulo, é muito difícil saber o que pode estar acontecendo sem saber exatamente qual é o problema e vendo o seu uso. Provavelmente é um problema no cabo “interno” do fone (ou seja, que leva o sinal do lado com a entrada do cabo mini-XLR para o outro), e isso pode estar ocorrendo porque em alguma situação o fone pode estar sendo dobrado excessivamente ou algo assim… também pode ser suor, apesar de achar mais difícil.

      De qualquer maneira, esse é um fone feito pra uso profissional, então se vc não estiver fazendo um uso REALMENTE severo do fone, me surpreende que vc esteja tendo esses problemas, e não tenho outras opções a recomendar por um preço parecido. Talvez um Sennheiser HD 25-1 II, mas é mais caro. Vc também pode estar tendo azar, então vale a pena fazer a troca novamente se ele estiver em garantia ainda.

  • Sylphlike Moon

    O link do fórum anda redirecionando de volta pra cá. O fórum deixou de existir?

  • Filipe Moreira

    Olá Leonardo,

    Antes de mais quero lhe parabenizar pelas suas reviews e explicações detalhadas, e por responder sempre às questões dos seus seguidores.
    Eu quero comprar um fone só para ouvir musica e que tenha um bom cancelamento de ruído e que seja confortável porque utilizo eles varias horas seguidas trabalhando. Estava pensando no ATH MX50x mas tenho ouvido algumas criticas quanto ao conforto. Ouvi falar muito bem dos ATH MSR7 mas dizem que o cancelamento de ruído é fraco. Como não percebo muito do assunto, espero que o Mestre me possa dar umas dicas. Tenho um gosto muito ecléctico, o que eu ouço mais é ChillOut, Trance, Dubstep, Trap, Reggae, RnB, HipHop, Pop Rock. Pela sua experiência quais os fones me recomendaria? Orçamento 200/250$
    Desde já agradeço pela ajuda.

    • Oi Filipe,

      O problema é que geralmente isolamento e conforto são duas características que “brigam”… pro fone isolar mais, geralmente ele tem que apertar mais, mas existem exceções. De repente vc pode pensar num Bose QuietComfort 25 que tem cancelamento ativo de ruídos e é incrivelmente confortável. Tem também o Sennheiser Momentum (que agora se chama HD1), que é mais caro, mas de repente vc consegue em alguma promoção na Amazon.

      Um abraço!

  • Nelson Chinazzo

    Olá Leonardo, amigo vejo que vc é foda no que faz, conhece muito de som… sou apaixonado por musica, filmes e jogos, quando criança era apaixonado pelo meu AKG k414p tive 3 deles.. hoje uso um fidelio l2 e um dac simples da fiio, gosto bastante do som dele tanto para musica quanto para jogos, bem superior a qualquer H7 que testei para jogos e bastante agradável para musica apesar de me soar meio estridente vez ou outra dependendo da musica…. hoje estou com condições melhores e gostaria de um upgrade para uso geral, e estou simplesmente perdido, pensei em um Ath-m50x mas não pretendo comprar outro fone tão cedo, também pensei em um hd700 e não sei se valeria o preço. o que me indicaria?

    • Nelson Chinazzo

      Sou ansioso pra kct comprei o m50x … e esperava mais… os graves e agudos do l2 são mais bacanas que os dele, ja os médios do m50 são infinitamente mais próximos do que deveriam ser ok… mas ai é foda em que fone posso ter todas as qualidades presentes? vou ficar muito puto comprar um hd 700 de 3 k e não soar natural, equilibrado, com a profundidade certa, aquele grave mais curto que não fica soando no tempo errado como se fosse reverberação saca? vou testar esse m50 em jogos tmb mas creio que pelo pouco que ouvi a sensação de espaço do l2 tmb é melhor, pena o l2 tocar tão mal os timbres de guitarra.. ” sou guitarrista e sei q não é aquele som ” e isso me deixa puto com ele.. nessa parte o m50 chega bem mais proximo… provavelmente irei deixar o l2 para jogo e m50 para musica. porem ainda preciso muito que me indique o fone certo…. quero sensação de espaço correto, graves medios e agudos na medida certa, um som mais orgânico e seco, claro sem reverbação saca?

  • Oclécio Junior

    Opa, tudo bem Leonardo?

    Seguinte, não consegui acessar o fórum, então vou mandar meu questionamento pra você por aqui…
    Eu tenho um Philips A5-PRO faz 1 ano e 2 meses, e no último mês tenho notado que ouve uma alteração de volume no alto falante direito dele.
    Ele fica mais baixo, coisa que por exemplo eu aumentando uns 20% no volume do lado direito apenas, ele fica “quase” equalizado, porém noto que mesmo deixando no volume parecido, houve uma alteração na qualidade.
    Nunca molhei nem nada parecido, apenas umas 2 quedas, mas isso faz um tempo.
    Não tenho mais garantia dele e a autorizada da philips diz que não tem como eles resolverem, porque eles não tem peças de reposições caso fosse necessário.
    É um fone interessante e bem resistente, pelo menos fisicamente falando.
    Teria alguma sugestão do que eu poderia fazer? o que poderia ocasionar isso? tem alguma pessoa que posso entrar em contato pra ver se me ajudaria?
    Pensei em abrir e verificar se de repente é alguma solda que soltou ou algo do gênero…
    Aguardo, e obrigado desde já!
    Abraços!

    • Oclécio, pode até ser um problema com solda ou no cabo, de repente vale abrir pra dar uma olhada. Mas pode ser o falante mesmo… e, se for, não vai ter muito jeito!

  • b166er

    Olá, gostaria de comprar um fone na faixa entre R$300 e R$400, e encontrei no MercadoLivre o AKG K240 MKII sendo vendido por várias pessoas a partir de R$359.
    Duas dúvidas:
    1) Comparando com os preços no exterior este está bem mais barato aqui, ou seja, seria falsificação?
    2) Realmente é o melhor custo/benefício para mim?

    Obrigado, e parabêns pelo site.

    • Olha, ele realmente está barato, até há pouco tempo era um fone de R$450 pra cima. Nunca ouvi falar de falsificações, mas é possível que exista.

      Sobre ser uma boa relação custo-benefício, depende. Eu não sou tão fã desse fone, prefiro os Superluxes porque eles têm uma assinatura mais viva, com mais graves e agudos. O AKG é muito centrado nos médios.

  • Henrique Ganem

    Olá Leonardo!

    Primeiramente gostaria de lhe parabenizar pelo seu trabalho, estou acompanhando e gostando bastante! Estou com uma dúvida que talvez alguém aqui da página possa me ajudar: estou procurando alguma solução de aúdio que tenha uma entrada óptica e que tenha pelo menos duas saídas RCA. Já tenho duas caixas de madeira bem antigas que eram do meu pai, que são ótimas mas só possuem entradas RCA, e gostaria de liga-las na minha TV possui apenas saída digital (óptica).

    • Henrique, pra isso vc precisa de um DAC 🙂

      Mas é isso mesmo, as caixas têm entrada RCA? São ativas então, certo?

      • Henrique Ganem

        Sim, elas são ativas, tem entradas RCA. Assisti o seu vídeo que explicava sobre DACs e amplificadores para entender um pouco mais a respeito. Tem alguma sugestão de DAC de bom custo benefício para me indicar? E uma loja de confiança onde eu possa encontrar esse tipo de aparelho?
        Agradeço a ajuda.

        • Depende do quanto vc está disposto a gastar, Henrique! O que é uma boa relação custo-benefício pra vc?

  • Matheus Ferreira Geres

    Olá, Leonardo!
    Tudo bem?

    Antes de mais nada parabenizo o seu trabalho! Tenho acompanhado no site e no Youtube e é realmente muito bom. Tenho me apaixonado ainda mais por ouvir música com excelente qualidade.

    Gostaria de saber sua opinião sobre os fones Kuba Disco, que você encabeça o projeto. Eu venho considerado ele, pois estou começando a me aventurar nesse universo da audiofilia, sou um entusiasta e apaixonado por música.

    Gosto de ouvir muito de ouvir heavy metal, progressivo, mas também ouço coisas mais leve como Tiago Iorc ou Tommy Emmanuel. Alguns gêneros que gosto muito também são o pop e o sertanejo. Atualmente utilizo na rua um Samsung intrauricular que acho o som incrível, além de super confortável, eram os fones que vinham com o Galaxy S5. Consigo ouvir pratos, bumbos, caixa, linhas de baixo, vocal e guitarras com tranquilidade, contudo gostaria de experimentar algo que realmente me faça dizer “uau”. Eu já experimentei um fone da Seinhiser e da Bose e minha reação foi: uau! Que fones incríveis!

    Recentemente fiz a burrada de comprar um fone da Logitech Gammer, parecia ser algo incrível pelas avaliações, mas não entrega realmente o que promete, foram 500 reais gastos, mas o som 7.1 só ajuda em jogos. Quando estou em casa desativo, pois chega a me incomodar, a voz em vídeos no Youtube fica por algum motivo bizarro metalizada! haha

    Tendo isso em mente, gostaria de saber sua opinião sobre o Kuba, se ele me entregaria um fone versátil, gostoso de ouvir e que eu pudesse apreciar todas as nuances da música. Uma das coisas que mais adoro, quando fico trocando entre fones in-ear da JBL, Philips, Samsung e Sony é perceber que cada um deles me faz notar partes diferentes da música. Alguns consigo perceber a força usada pelo baterista nos pratos, outros eu consigo perceber a respiração do vocalista, já em outros consigo notar alguma linha de guitarra base que trás sustância a música, coisas que no fone anterior eu não ouvia.

    Eu adoro os fones in-ear por me trazer um peso, um grave que me faz entrar dentro da música, os médios parecem ter mais corpo também. O Kuba vai me permitir isso? Perceber essas nuances e decifrar as frequências da música? Você o recomenda para usar no computador, celular, tablet, notebook?

    Quero tirar outra dúvida também, atualmente me encontro apaixonado pelos fones custom que algumas empresas produzem. Recentemente tive a oportunidade de conhecer melhor os fones da earsound, porém o investimento é bem alto. Você acredita que um custom de qualidade pode me entregar uma sonoridade que jamais ouviria com os fones universais? Fico tentando, apesar do preço, a mandar fazer um. Outra coisa que me empolga é saber que um fone desses dura por muitos anos em sua plena atividade e a empresa também sempre dará suporte, não me obrigando a trocar de fone, mas não sei é um investimento que realmente mudaria a forma como ouço música no celular e computador.

    O fone em questão que mais interessou da Earsound é o ES-503.
    ES-503
    – Sensibilidade: 119 dB/mW
    – Resposta de Frequência: 10 Hz – 19 KHz – Impedância : 24 Ohms
    – Cinco Drivers de armadura balanceada e crossover passivo de três vias.
    – Conector de 3,5 mm banhado a ouro e cabo removível do fone.
    – Isolamento acústico de até 26 dB.
    – Fone com cinco drivers e um crossover passivo de três vias.
    Dois drivers dedicados às baixas frequências, dois dedicados às médias frequências e um dedicado às altas frequências. Proporciona ótima equalização e com os graves mais pesados.

    Um forte abraço e obrigado!

  • Matheus Ferreira Geres

    Olá, Leonardo!
    Tudo bem?

    Antes de mais nada parabenizo o seu trabalho! Tenho acompanhado no site e no Youtube e é realmente muito bom. Tenho me apaixonado ainda mais por ouvir música com excelente qualidade.

    Gostaria de saber sua opinião sobre os fones Kuba Disco, que você encabeça o projeto. Eu venho considerado ele, pois estou começando a me aventurar nesse universo da audiofilia, sou um entusiasta e apaixonado por música.

    Gosto de ouvir muito de ouvir heavy metal, progressivo, mas também ouço coisas mais leve como Tiago Iorc ou Tommy Emmanuel. Alguns gêneros que gosto muito também são o pop e o sertanejo. Atualmente utilizo na rua um Samsung intrauricular que acho o som incrível, além de super confortável, eram os fones que vinham com o Galaxy S5. Consigo ouvir pratos, bumbos, caixa, linhas de baixo, vocal e guitarras com tranquilidade, contudo gostaria de experimentar algo que realmente me faça dizer “uau”. Eu já experimentei um fone da Seinhiser e da Bose e minha reação foi: uau! Que fones incríveis!

    Recentemente fiz a burrada de comprar um fone da Logitech Gammer, parecia ser algo incrível pelas avaliações, mas não entrega realmente o que promete, foram 500 reais gastos, mas o som 7.1 só ajuda em jogos. Quando estou em casa desativo, pois chega a me incomodar, a voz em vídeos no Youtube fica por algum motivo bizarro metalizada! haha

    Tendo isso em mente, gostaria de saber sua opinião sobre o Kuba, se ele me entregaria um fone versátil, gostoso de ouvir e que eu pudesse apreciar todas as nuances da música. Uma das coisas que mais adoro, quando fico trocando entre fones in-ear da JBL, Philips, Samsung e Sony é perceber que cada um deles me faz notar partes diferentes da música. Alguns consigo perceber a força usada pelo baterista nos pratos, outros eu consigo perceber a respiração do vocalista, já em outros consigo notar alguma linha de guitarra base que trás sustância a música, coisas que no fone anterior eu não ouvia.

    Eu adoro os fones in-ear por me trazer um peso, um grave que me faz entrar dentro da música, os médios parecem ter mais corpo também. O Kuba vai me permitir isso? Perceber essas nuances e decifrar as frequências da música? Você o recomenda para usar no computador, celular, tablet, notebook?

    Quero tirar outra dúvida também, atualmente me encontro apaixonado pelos fones custom que algumas empresas produzem. Recentemente tive a oportunidade de conhecer melhor os fones da earsound, porém o investimento é bem alto. Você acredita que um custom de qualidade pode me entregar uma sonoridade que jamais ouviria com os fones universais? Fico tentado, apesar do preço, a mandar fazer um. Outra coisa que me empolga é saber que um fone desses dura por muitos anos em sua plena atividade e a empresa também sempre dará suporte, não me obrigando a trocar de fone, mas não sei é um investimento que realmente mudaria a forma como ouço música no celular e computador.

    O fone em questão que mais interessou da Earsound é o ES-503.
    ES-503
    – Sensibilidade: 119 dB/mW
    – Resposta de Frequência: 10 Hz – 19 KHz – Impedância : 24 Ohms
    – Cinco Drivers de armadura balanceada e crossover passivo de três vias.
    – Conector de 3,5 mm banhado a ouro e cabo removível do fone.
    – Isolamento acústico de até 26 dB.
    – Fone com cinco drivers e um crossover passivo de três vias.
    Dois drivers dedicados às baixas frequências, dois dedicados às médias frequências e um dedicado às altas frequências. Proporciona ótima equalização e com os graves mais pesados.

    Um forte abraço e obrigado!

  • Guilherme Carvalho

    Alô Leonardo , não sei se é aqui que posso perguntar , mas desejo humildemente sua ajuda.
    Atualmente tenho um HyperX Cloud. Gosto muito do fone , porém não é oque procuro , Queria saber se Vale a pena ou existe algo melhor que o Philips SHP9500 pra uso/jogos , e mais importante. preciso de indicação de não se se posso chamar de Dac ou até mesmo uma placa de som melhor , sinto precariedade em fones usb ou na minha humilde placa de som normal de meu pc , me recomendaram ORICO SC1 mas creio que algo tãão barato não seja muito bom. Peço desculpas pelo incomodo , e realmente sou muito fã seu e adoro seu trabalho mano , queria é ter grana pra comprar esses fones brabos que tu testa kkk , mas meu limite de faixa de preço é do Philips SHP9500 , até porque estou contruindo minha casa propria kkk perdão por estar escrevendo sobre minha vida aqui!!! vou finalizar Te agradeço se puder me responder , se não puder Continuo seu fã , um Grande ABRAÇO !

    • Obrigado, Guilherme 🙂

      Olha, eu nunca ouvi o Philips, então não sei dizer como ele toca. Mas eu sinceramente consideraria o Superlux HD668B. É um fone fantástico, principalmente pra jogos!

  • sdnnvs

    Oi Leonardo! Uma curiosidade: você sabe que fone é esse que alguns jogadores da seleção brasileira usaram na chegada do jogo contra a Bélgica? Att. e parabéns pelo seu trabalho. https://uploads.disquscdn.com/images/a31bacb110c004e15dab7f2a4d354ed395d4752283437aecd5405656a92ede38.jpg

  • Guilherme Fialho

    Bom dia Leonardo, tudo bem?
    Parabéns pelo trabalho, você e sua empresa são uma fonte de muita inspiração.
    Acompanho o site e o canal do YouTube há um tempo e, com o surgimento desse quadro sobre as suas experiências com a Kuba Áudio, me senti inspirado e motivado.
    Sou aluno de Engenharia Física na UFSCar – interior de São Paulo. Estou na graduação e há bastante tempo tenho muito interesse no desenvolvimento de equipamentos de áudio e tenho intenções de trabalhar em algo relacionado. Estou procurando formas de adentrar mais na parte de desenvolvimento, mas é são poucos os professores e colegas que pesquisam algo relacionado ao tema.
    Gostaria de saber se você possui sugestões de caminhos e coisas que posso tentar fazer ainda durante a graduação para que eu saia bastante capacitado para atuar nesse mercado, já que foi mais ou menos nesse momento da sua vida que você também desenvolveu seu primeiro headphone. Também gostaria de saber se você me recomendaria algum livro, artigo, site ou texto que abordem a parte mais técnica do desenvolvimento dessas tecnologias, como princípios físicos de funcionamento e coisas similares.
    Te agradeço desde já e desejo boa sorte.
    Grande Abraço.

    • Oi, Guilherme! Que legal, cara 🙂

      Cara, isso é muito difícil… sinceramente, aprendi muito lendo avaliações, e muitas que contém questões técnicas também. Mas é muito difícil separar o joio do trigo, porque tem muita besteira por aí – e isso vem com tempo e experiência. Mas acho que os melhores lugares pra vc de fato aprender com um cunho mais técnico são o Innerfidelity (a parte mais antiga, que ainda tinha o Tyll Hertsens – tem MUITA coisa técnica boa lá) e os fóruns HeadCase e SBAF.

      Dá uma olhada no Guia MTH também!

      Abraço!